Como transportar raquete de Tênis no avião


Vai viajar de avião e precisa levar suas raquetes de Tênis, mas não sabe como transportá-las corretamente? Nesse artigo vou informar melhor sobre essa questão.

Primeiramente devo esclarecer que nunca levei uma raquete no avião e as informações desse artigo são frutos de uma pesquisa que fiz sobre o assunto em busca de ajudar a informar melhor quem está pensando em viajar e levar suas raquetes.

Como os aeroportos aceitam transportar as raquetes?

Quando se trata de uma mochila ou raqueteira, os aeroportos a consideram como uma bagagem comum.

Mas a maioria das empresas aéreas normalmente não vão ligar se você resolver levar uma ou duas raquetes consigo como bagagem de mão, habitualmente há sempre espaço para colocar elas em cima da bagagem de mão dos outros que fica no compartimento acima de sua cabeça.

No consenso geral é permitido levar as raquetes de Tênis como bagagem de mão em voos nacionais brasileiros, isso porque, até o momento em que realizei essa pesquisa no ano de 2020, no site oficial da ANAC está claro esse fato, observe a foto que tirei de minha consulta.

As raquetes de Tênis podem ser transportadas em bagagem despachada ou de mão, assim como as raquetes de Frescobol (Conheça mais sobre o Frescobol aqui) e Beach Tennis (clique aqui para descobrir as diferenças entre Beach Tennis e Tênis), como mostra a página da ANAC consultada em outubro de 2020.

Caso você tenha dúvidas com relação a levar as raquetes como bagagem de mão, o melhor é ligar para a empresa e perguntar já que as regras podem mudar dependendo da época ou então já enviar elas no check in junto com suas malas.

Em alguns casos o impedimento para levar as raquetes junto com você como bagagem de mão é mesmo pelo tamanho dela, já que algumas empresas estipulam um tamanho máximo.

Como armazenar melhor as raquetes com a bagagem

Caso você queira proteger melhor a raquete de qualquer atrito de transporte, você pode optar por deixar ela em uma mala maior e em volta de roupas ou embrulhada em toalhas.

A opção de deixar as raquetes na bagagem para despacho é mais cômoda do que levar com você como bagagem de mão, além de evitar conversas indesejadas com curiosos, você terá mais espaço para uma viagem confortável caso as raquetes não caibam no compartimento acima de você.

O transporte para viagens internacionais

Uma atenção maior deve ser dada para voos internacionais já que as leis podem variar em outros países, nesses casos o melhor mesmo é entrar em contato com a companhia aérea para que eles te informem melhor caso tenha alguma restrição da entrada de raquetes de Tênis aonde você está indo.

Cada país possui um órgão encarregado de regularizar as bagagens de viagens aéreas, no Brasil é a ANAC, mas nos EUA, por exemplo, é a TSA, cada um tem suas regras e é importante ficar de olho nisso, até mesmo para os países que o seu voo pode fazer ponte aérea, às vezes nem é só as regulamentações do país origem e do país destino.

Bruna

Eu sou a Bruna, uma jogadora de Tênis recreativa que criou esse blog para ajudar a todos jogadores de Tênis com tudo o que já aprendi depois de alguns anos jogando esse ótimo esporte.

Publicações Recentes