Como vencer um Baloeiro ou Empurrador no Tênis


Se você também é um jogador recreativo ou está só começando, já deve ter visto ou enfrentado um oponente que constantemente manda a bola bem alta e funda na quadra.

O Baloeiro (Moonballer) pode ser um adversário muito difícil de se lidar se você não estiver acostumado com o estilo e principalmente se for iniciante no Tênis.

Se você subestimar esse tipo de jogador, pode cair em uma armadilha cheia de erros não forçados e muita frustação, eu sei disso por experiência própria, para te ajudar, vou compartilhar a pesquisa que fiz para melhorar minha própria estratégia para enfrentar o Baloeiro e vencê-lo.

O perigo de imitar o Baloeiro

Caso você também seja um jogador recreativo e o seu estilo de jogar Tênis não seja o de um Baloeiro, é muito difícil ganhar desse jogador jogando da mesma forma que ele já que exige paciência, condicionamento físico e treino para jogar assim, algo que você dificilmente dominará após alguns Games durante um jogo.

Portanto, a primeira dica que dou para derrotar um Baloeiro é não imitar o seu estilo de jogo se você não está acostumado a jogar assim. Jogar uma partida de Tênis é diferente de um treino, a tensão é muito maior e tentar jogar diferente do que você está acostumado pode te levar a muitos erros.

O jogo do Baloeiro funciona contra aqueles jogadores que não sabem jogar como um Baloeiro e tentam copiar e contra os jogadores que querem atacar todas as bolas “fáceis” que o Baloeiro manda e acaba errando muito e deixando seu emocional ser abalado e por fim perdendo a partida.

Ataque na rede quando possível

Em busca para as respostas da fórmula para derrotar o Baloeiro, sempre encontrei a dica de atacar na rede ou subir mais na rede para definir o ponto, mas o que acontece se você não for muito bom na rede ou se no dia o seu jogo na rede não estiver bom o suficiente?

Mesmo se você não errar, se somente devolver a bola enquanto estiver na rede, não será suficiente, as chances são grandes de você levar um Lob ou ser atacado.

Atacar na rede contra Baloeiro é uma ótima dica, isso para quem sabe executar bem o ataque na rede.

Por que atacar a bola na rede é um risco para iniciantes?

Tentar definir os pontos na rede usando ataques rápidos e fortes é muito arriscado, principalmente para iniciantes que não sentem conforto ao jogar próximo da rede ou que está tendo um dia ruim para atacar constantemente.

Não adianta nada você tentar levar o jogo para a rede se você mandar a bola para fora na maioria das vezes, mas não se preocupe, há uma forma de derrotar o Baloeiro sem precisar levar o jogo para a rede sempre, continue lendo para descobrir mais.

Antecipação é a chave para a vitória

Pense o seguinte, a dica de atacar na rede é válida principalmente porque você evita que a troca de bola sempre fique no fundo e que ela quique bem alto, evitando assim que o jogo fique sempre no mesmo ritmo e tirando o Baloeiro da zona de conforto.

Caso subir na rede não seja o seu forte, você pode evitar uma das maiores dificuldades ao enfrentar um Baloeiro que são as bolas muito altas.

Não demorei muito tempo para perceber que atacar e até mesmo devolver bolas que chegam acima de meu ombro é muito difícil, principalmente no lado da minha Esquerda ou Backhand.

Aqui no blog fiz um artigo com várias dicas para devolver uma bola alta e uma delas é antecipar a batida e atingir a bola antes que ela suba acima do ombro, aliás, eu recomendo que você vá nesse artigo e confira todas as opções para devolver as bolas altas já que são dicas muito valiosas contra o Baloeiro.

Observar não somente a bola, mas sim o adversário é muito importante para você identificar uma bola que vai subir muito e tomar as devidas medidas para retorná-la com sucesso.

Usando a região entre o fundo da quadra e da rede

Existe uma forma de jogar contra um Baloeiro sem precisar subir na rede e também sem necessariamente sempre esperar a bola com quique alto no fundo da quadra.

Nessa estratégia você vai usar muito a região conhecida como “No Man’s Land” (Terra de ninguém) ou popularmente conhecida como “Mata Burro” é a parte localizada no meio da quadra antes da região da rede e bem acima da linha de fundo.

Em vermelho a região No Man’s Land.

Se o seu oponente só sabe mandar bolas altas, permaneça mais tempo na No Man’s Land ao invés do fundo da quadra, eu sei, parece estranho e anormal jogar assim, mas se estiver dando certo então continue nela.

Diferente de subir completamente para a rede, na No Man’s Land você não tem risco de perder pontos com Lobs porque sua posição não vai permitir que eles sejam eficazes.

Quando estiver nessa região você vai tentar devolver a bola antes que ela caia, você não está tão perto da rede então não tente matar a bola ou definir o ponto, continue devolvendo a bola na quadra adversária, acredite, essa bola será mais perigosa para ele do que aquela que você devolver no fundo da quadra depois que ela quica alto.

A partir do momento que o adversário falhar e devolver uma bola mais curta, se aproxime e defina o ponto.

Não precisa ser o melhor e mais rápido golpe de definição, você vai perceber que só de chegar mais perto irá jogar mais pressão no adversário.

Tente não definir o ponto no primeiro voleio, jogue o adversário para um lado e depois para o outro até que seja fisicamente impossível ele devolver a bola, mesmo sendo um voleio mais fraco.

Você pode bater mais forte na bola se mirar em um local mais seguro.

A dica é fazer um alvo seguro para você mirar o seu golpe, de forma que mesmo se você errar, a bola não sairá e você não perderá o ponto, na ilustração abaixo eu destaquei de vermelho o local que você pode mirar que é mais indicado.

Em vermelho a região para mirar seu golpe.

Você também pode imaginar ou visualizar na sua cabeça que a quadra é menor e tentar acertar só nessa região que fica mais longe da linha.

Visualização ou imaginação é uma ferramenta poderosa em uma partida de Tênis.

O tipo de quadra que o Baloeiro adora

As quadras que os Baloeiros mais gostam de jogar são as de saibro, dentre os diversos tipos de superfícies para se jogar Tênis, essa é uma das quadras que faz a bola quicar mais alto e isso contribui na estratégia principal do Baloeiro.

Quanto mais alto a bola quicar no fundo da quadra, mais difícil é alcança-la e devolvê-la.

Sabendo disso, a quadra que o Baloeiro terá mais dificuldade em jogar é a de grama já que nelas a bola dificilmente vai subir muito. Quando a bola não sobe muito e fica na altura da cintura, é muito mais fácil para o adversário do Boleiro retornar uma bola mais rápida e com mais efeito, até mesmo o tipo ou estado da bola pode influenciar no quique dela.

Se você ainda não conhece muito bem todos os tipos de quadras, saiba que a forma de jogar em cada uma muda muito, ficou curioso em saber porque a superfície influencia tanto no seu jogo? Confira essa outra matéria que fiz sobre as quadras mais rápidas no Tênis.

O golpe efetivo contra um Boleiro

O Slice é sem dúvidas uma boa opção para ser usado contra um Boleiro, com esse golpe você consegue manter a bola com o quique mais baixo e é muito mais difícil aplicar o efeito que o Boleiro gosta em uma bola bem abaixo do ponto de contato que ele normalmente encontra com outros golpes. E se você estiver em uma quadra rápida, o efeito é melhor ainda.

É importante manter a consistência contra Boleiros, então aconselho que você use o Slice na cruzada ou diagonal, assim você tem uma margem maior para não errar, na paralela a rede é mais alta e as chances são maiores da bola não passar para o outro lado.

Se você consegue usar o Slice efetivamente, não perca a chance de testar ele contra um Boleiro e observe como ele vai reagir, agora, se você nunca tentou esse golpe em uma partida e não o dominou, é melhor usar um golpe mais confiável.

Para conhecer melhor o que é o Slice e outros golpes de Tênis, confira essa matéria que fiz sobre os principais golpes.

O Empurrador de bola

De certa forma, o Baloeiro é um tipo de Empurrador de bola com um simples plano de jogo de devolver a bola sempre alta próxima do fundo da quadra.

O empurrador de bola, também conhecido como Dinker ou Pusher é aquele adversário que não usa golpes cheios de técnicas ou muito elaborados, ele somente foca em devolver a bola dentro da quadra sem tomar muitos riscos.

A especialidade do empurrador de bola é a de fazer você cometer erros enquanto que ele próprio dificilmente vai cometer um erro não forçado, ele não coloca muita velocidade na bola, mas sabe como usar a quadra a seu favor e com paciência ele ganha os pontos.

O Baloeiro faz algo parecido e por isso a estratégia para derrota-los se iguala em alguns pontos.

O Empurrador é um tipo de jogador de Tênis que costuma ganhar muitas partidas contra iniciantes, eu pessoalmente não condeno quem usa essa estratégia já que eu sou do tipo de jogadora competitiva e acredito que é uma tática válida aquela que te leva a vitória, mas eu também acredito que é muito limitadora e por isso eu não a sigo.

Não caia no jogo psicológico do Baloeiro ou Empurrador

Eu mesma já caí na armadilha de deixar meu psicológico ser influenciado por um jogador com menos técnica e experiência que eu que só devolvia a bola na quadra. Outras pessoas chegaram a me perguntar: “ Bruna, como você pôde perder para uma jogadora dessas? ” enquanto que outros diziam: “ Na próxima vez tente ficar menos nervosa e não tente atacar todas as bolas”.

Analisando meu próprio jogo na situação eu pensava comigo mesma: “ Eu não vou ficar calma e jogar igual a outra, não parece divertido jogar a bola sem velocidade para sempre. “ e “ Eu preciso treinar mais para cometer menos erros ”.

Mas, na realidade, naquela época eu não percebia que usar a mesma estratégia que uso com outros jogadores ao lidar com um Baloeiro e um empurrador era uma péssima ideia e que era isso que estava fazendo eu perder as partidas.

Se você parar para pensar, o motivo é lógico, a bola do Baloeiro e do empurrador vem para você em uma velocidade e altura que é bem diferente da normal, então, a forma como você deve retornar essa bola tem que ser diferente senão você vai acabar errando ou retornado ela bem fraca.

Eu também não percebia que não estava treinando corretamente para ser mais consistente na quadra e não sabia usar os golpes corretos para esses tipos de jogadores e não importa quanto mais tempo eu treinava, eu iria continuar perdendo para eles.

Depois de ter trabalhado melhor minha técnica, minha mentalidade e estratégia, percebi que agora consigo derrotar os conhecidos Empurradores e Baloeiros, eu percebi algo muito valioso, não importa o estilo do outro jogador, a idade, o gênero ou seu nível de experiência, nunca subestime o seu oponente, use a estratégia e seleção correta de golpes contra ele ou ela, não é só um fator que vai determinar sua vitória ou derrota em uma partida de Tênis.

A lição que tirei do que passei é que você não deve deixar suas emoções atrapalhar o seu jogo, adaptar a sua forma de jogar para enfrentar adversários diferentes não é uma fraqueza ou sinal de que você está desistindo, mas sim uma oportunidade de se divertir mais com o processo de melhoria do seu jogo.

Se você quiser ir mais a fundo na questão mental do jogo, clique nesse link para outra matéria que escrevi aqui nesse mesmo blog, lá tem exemplos e dicas para melhorar e enfrentar adversários com estilos mais irritantes.

Vencendo do empurrador de bola no Tênis

O Empurrador de bola não somente usa dos Lobs ou bolas altas no fundo da quadra para vencer uma partida, ele também não toma riscos atacando e sua bola é bem mais lenta do que o normal.

Se você sabe jogar na rede poderá aproveitar bastante já que o Empurrador dificilmente vai conseguir executar uma boa passada, mas cuidado com os Lobs, para isso, use mais a região entre a rede e a linha de fundo para Volear, a No Man’s Land ou Mata Burro.

Para se aproveitar das fraquezas do Empurrador você pode reparar o que mais o incomoda e usar isso contra ele, a seguir listo o que você pode guardar na sua memória a seu favor:

  • Quantas bolas ele consegue trocar antes de cometer um erro?
    • Sabendo a quantidade, tenha paciência e espere até ele cometer o erro.
  • Ele tem dificuldades em retornar bolas mais altas ou mais baixas?
    • Se a dificuldade é com bolas altas, use mais efeito para a bola quicar mais alto
    • Caso o problema seja bolas baixas, comece a usar mais o Slice
  • Como ele lida com bolas que ele precisa devolver enquanto está correndo?
    • Se ele erra muito esse tipo de bola, passe a buscar mais os ângulos da quadra e mova ele de um lado para o outro.

Para que você entenda melhor como usar essas informações que você vai coletar do adversário Boleiro ou Empurrador durante o aquecimento e durante a partida, vamos imaginar a seguinte situação:

O seu adversário tem dificuldade em retornar bolas baixas que chegam na esquerda dele, sabendo disso você vai usar mais Slices e mandar na esquerda, quando você identificar que ele mandou uma bola fraca, você vai se aproximar e atacar a bola.

Exemplo de jogada eficaz contra Baloeiro e Empurrador.

Compreenda que durante a partida é normal que você leve alguns Winners (quando você não consegue tocar na bola antes de perder o ponto) de Lobs e que você erre voleios, quando isso acontecer não se deixe abalar, o importante é que você consiga acertar e ganhar mais pontos para vencer a partida, se errar, não reaja com negatividade, somente observe o que aconteceu, anote em sua memória e se prepare para a disputa do próximo ponto.

Jogar um ponto de cada vez e se focar na jogada atual sem pensar na pontuação, no que aconteceu no ponto passado ou o que pode acontecer no futuro é sempre um ótimo plano em um jogo de Tênis.

Bruna

Eu sou a Bruna, uma jogadora de Tênis recreativa que criou esse blog para ajudar a todos jogadores de Tênis com tudo o que já aprendi depois de alguns anos jogando esse ótimo esporte.

Publicações Recentes